Does not speak Portuguese? Understand English?

See our blog in English: http://plus-planet.blogspot.com/

Apresentação Blog!

Se não formos nós a preocupar-nos com o futuro da "nossa casa" quem será? Neste blog irão encontrar informações sobre o que cada um pode e deve fazer para salvar o nosso Planeta.Conto com os vossos comentários, sugestões e reclamações para ajudar a construir este blog e a divulga-lo o mais possível.

Criado a 22 de Abril de 2012

Obrigado pela sua visita!


sábado, 21 de março de 2015

As energias renováveis

O que são energias renováveis?




As energias renováveis são aquelas que são obtidas de fontes naturais, e portanto são consideradas inesgotáveis e não poluentes. São encaradas como uma alternativa ao uso excessivo dos combustíveis fósseis (uma vez que estes são uns dos principais causadores da poluição).

Biomassa - corresponde ao grupo das energias renováveis que é obtida através da combustão de matéria orgânica, podendo esta ser de origem animal ou vegetal.
A nível energético, a biomassa provém de várias matérias-primas:
·         Madeira (64%);
·         Resíduos Municipais Sólidos (24%);
·         Resíduos Agrícolas (5%);
·         Gases (5%);
·         Resíduos de produção alimentar, plantas, algas e outros (2%).

No sentido de se obter energia, estas matérias-primas podem ser utilizadas de duas formas:
·      Diretamente – Consiste na queima direta das várias matérias-primas, obtendo-se calor;
·     Indiretamente – Corresponde à produção de eletricidade, de biocombustíveis e de biogás.
Biogás - Pode ser classificado como biocombustível por ser uma fonte de energia renovável, sendo uma forma de obter energia que pode auxiliar o ser humano a depender menos dos combustíveis fósseis. A decomposição da fração orgânica dos resíduos depositados em aterro forma um gás incolor e insolúvel em água − o biogás.
Quais são as matérias-primas para produção de Biogás?
      Dejetos animais;
      Resíduos agrícolas;
      Resíduos industriais.
Dejetos de animais como por exemplo: suinocultura, pecuária e avicultura.
Resíduos agrícolas como por exemplo: cascas, folhagens e palhas, restos de cultura.
Resíduos industriais como por exemplo: bagaços, descartes, efluentes e gorduras, Restos de restaurantes, efluentes industriais com elevada carga orgânica, entre outros.
O biogás vai ser produzido através de um biodigestor orgânico onde vai ocorrer uma gaseificação - processo que transforma os combustíveis sólidos ou líquidos numa mistura combustível de gases.
A gaseificação envolve basicamente os seguintes processos:
·         A secagem ocorre durante o aquecimento do combustível.
·     A  desvolatilização inicia-se a pelo menos 300ºC, que é quando ocorre vaporização das partes voláteis e se inicia a fragmentação das partículas sólidas.
·         A combustão necessita de uma fonte de calor e oxigénio. Este processo pode ocorrer a temperatura entre os 400ºC a 900ºC.
Utilização do Biogás:
·         O biogás pode ser usado como gás combustível em substituição ao gás natural ou gás liquefeito de petróleo (GLP).
·         O biogás é utilizado na geração de energia elétrica, através de geradores que por sua vez pode ser transformada em energia térmica.
·         A eliminação dos resíduos da propriedade rural, os restos/excessos podem ser utilizados como adubo.
Vantagens da utilização do Biogás:
·         É considerada uma fonte limpa de energia;
·         É um importante substituto para os combustíveis derivados de petróleo (gasolina e diesel);
·         Através de geradores, pode ser usado para geração de energia elétrica;
·         Os agricultores que podem vender o biogás;
·         A produção de lixo orgânico pode ser revertida na geração de energia limpa. Portanto, dá uma finalidade útil aos aterros sanitários;
·         Possibilita a geração de fertilizantes;
·         É uma alternativa ao uso do GLP (gás de cozinha);
·         Evita a poluição do meio ambiente com os dejetos orgânicos, sobretudo das águas e do solo;
·         Combate o aquecimento global;
·         Elimina os maus odores dos dejetos animais;
Desvantagens da utilização do Biogás:
·         O sistema de armazenamento é complexo e de valor elevado.
·         Há emissão de Dióxido de Carbono (CO2).
·         É um processo muito demorado.
Energia Eólica é uma energia renovável que provém da força do vento. Por outras palavras, a energia eólica é, nada mais nada menos, do que a transformação da energia cinética do vento para energia mecânica e, posteriormente, em energia elétrica.
A título de curiosidade, o termo eólico vem do latimaeolicus, o que significa «pertencente ou relativo a Éolo», deus dos ventos na mitologia grega.
Energia Geotérmica  ou geotermal - é a energia obtida a partir do calor interno da Terra, podendo ser aproveitada em variados locais:
·         Zonas de atividade vulcânica;
·         Zonas onde existam águas ou rochas a temperatura elevada;
·         Zonas próximas de câmaras magmáticas.

Energia hídrica - é aquela que utiliza a força cinética das águas de um rio para mover uma turbina hidráulica e, assim, produzir energia elétrica.

Muitos pensam que a energia das marés e a energia das ondas são um mesmo tipo de energia. Porém, tal não é verdade, pelo que vamos explicar no que é que cada um destes tipos de energia consiste.
.
A energia das marés, ou maremotriz, é a energia contida no movimento de massas de água dos oceanos entre marés (alta e baixa).
A água dos oceanos terrestres, ainda que imensa á nossa escala, não está estática, antes pelo contrário. Todos os dias enormes massas de água se deslocam nos oceanos, originando as marés alta e baixa, perceptíveis somente nas regiões litorais.
Mas o que é que faz com que tamanhas quantidades de água se movimentem?
A principal responsável pela alteração do nível da água dos oceanos é a Lua.
A elevação do oceano no lado da Terra virado para a Lua é causada devido á atracão que a Lua exerce sobre a água, puxando-a na sua direção, enquanto que a elevação no oceano no lado oposto é provocada devido á atracão que a Lua exerce sobre a Terra ao atrai-la para si, puxando-a em relação á água.
Durante 12 horas do seu período de rotação, a Terra gira 180 graus, enquanto que a Lua, nesse mesmo período de tempo, gira 6 graus em torno da Terra. Desta forma, e tendo em conta a elevação da água em lados opostos do planeta no mesmo instante e a rotação da Lua, qualquer cidade situada no litoral irá verificar a ocorrência de uma maré-alta a aproximadamente cada 12 horas e 25 minutos.
Contudo existem ainda outras forças a atuar sobre os oceanos, pois para além de existir a alternância entre marés, a própria altura das marés (relativamente a um valor médio) também varia, dependendo isto não só do efeito que a Lua tem sobre a Terra, mas também do Sol.
Quando há Lua Nova ou Lua Cheia, as forças gravitacionais do Sol estão na mesma direção da Lua, o que leva a que as águas dos oceanos sejam atraídas com uma maior força, produzindo marés mais altas. Já quando a Lua se encontra em quarto crescente ou minguante, as forças gravitacionais do Sol estão em direções diferentes das da Lua, o que faz com que elas se anulem parcialmente, originando marés mais baixas.
Energia Solar - é a grande fonte de energia do nosso Planeta, embora seja quase sempre utilizada indiretamente sob a forma de combustíveis fósseis (petróleo, carvão, etc.), biomassa florestal, energia hídrica, energia eólica, energia das ondas, …

A energia solar é única que provém do uso direto da energia libertada pelo Sol.
Porém, o que é a Energia Solar?
Energia Solar é a designação dada a qualquer tipo de captação de energia luminosa proveniente do sol, sendo esta posteriormente utilizada pelo homem quer para aquecimento de água, quer para a obtenção de energia elétrica.
.A energia solar pode ser aproveitada de duas formas:
·         Energia solar fotovoltáica – É aquela em que se verifica a transformação da energia solar em energia elétrica através do fenómeno do efeito fotovoltáico;
·         Energia solar térmica – É aquela em que se verifica a transformação de energia solar no sentido de se aquecer um fluido, ou gás. Este fluido, ou gás, será depois utilizado para aquecer um outro fluido (normalmente, água).
·         Os coletores solares são o coração de um sistema de aquecimento solar, sendo utilizados para absorver e converter a maior quantidade de radiação solar disponível em calor e transferir esse calor com o mínimo de perdas para o resto do sistema.
·         Existem diversos tipos de coletores, cada um com o seu próprio design, apresentando cada um deles custos e performances específicos.

·         Sabendo então o que é um coletor, como se produz energia solar térmica?
·         Quando a radiação solar é absorvida por um coletor solar, este é responsável pela transferência da sua energia para um fluido primário (água, óleo,  etc.), aquecendo-o.
·         De seguida, e como esse fluido se encontra em circuito fechado, este é obrigado a transferir a sua energia para o fluido que se encontra no reservatório térmico acoplado ao coletor. Esse fluido, caso for água, vai depois aquecer, obtendo-se assim água quente.
Planeta Terra
Última atualização: 21/03/2015

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...